Um Kg de alcatra

Uma panela de sopa das aparas.

Um primo do strogonoff até bem gostosinho do ladinho do arroz.

Umas tiras salteadas comidas com rúcula e banana.

Outras tirinhas que foram num molho de macarrão.

Eu ia fazer um post animadinho sobre comida mas fui ler as notícias e toda a alegria esvaneceu.

Eu não tô saindo de casa. Nem mesmo só para. Pra nada. Não saio pra fazer compras, pedi uma vez as coisas grandes e recebo em casa o que tem da feirinha de agricultura familiar. Não como o que quero, como o que tem. Não peço comida, mesmo sonhando com isso. Não dou uma voltinha pra espairecer. Nada – não estou julgando quem faz qualquer uma dessas coisas  e muito menos quem tem que sair de casa pra trabalhar ou cuidar de alguém, etc. Daí hoje eu li este texto de uma querida no FB sobre a situação da cidade em que moro e me deu aquela sensação de filme pós-apocalíptico, aquela impressão que no dia que eu sair de casa será para um deserto de corpos e almas. Esta sensação agravada por dois outros assuntos que me chocaram muito, uma família no Pará agredindo um médico porque ele colocou no atestado de óbito “suspeita de corona vírus” e o pessoal queria que colocasse pneumonia e, por outro lado, pessoas indo a um perfil de FB de uma pessoa que morreu arengar, xingar e escrever coisas vis porque a pessoa que morreu tinha participado de atos para reabertura do comércio, algo como: mereceu.

Uma coisa estarrecedora são essas lives que os artistas famosinhos do Brasil fazem. Inspirada nas ações de artistas e comunicadores de outros lugares do mundo, as lives deveriam ser um descanso pro juízo de quem tá confinado mas foram transformadas em mais uma fonte de ansiedade com essa ruma de gente trabalhando.

Li que em Serra Leoa tem 18 respiradores para 7,5 milhões de pessoas. Eu não sei o de vocês mas o meu mundo já acabou.

Tem umas coisas que valem a pena, né, tipo fazer sopa e mandar pro meu cunhado.

Daí passou o dia e já é outro dia e esse novo dia é também um domingo de Páscoa e eu acho muito bonito ver a alegria de vocês comendo chocolate.

Vi quatro episódios de WW. Luciana feliz que se concentrou.
Só tinha Dolores. Luciana triste pois Dolores, né.

43758119_1827143623990226_6723565130572890112_o

 

Um comentário em “Um Kg de alcatra

  1. As lives. Malditas lives. Que me dão uma ansiedade imensa. Deletei o que me restava das redes só por causa das lives. E não leio os jornais. Faz dois dias que parecem anos. Sem lives e sem ler notícias. Atabalhoada sou eu.

    Te amo.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s